Webmail

@cezarbritto.adv.br

No campo do direito penal, a nossa atuação tem fundamento na missão e valores que cultivamos, com fito a promover uma advocacia que permita a defesa da pessoa humana e a fiscalização do regular exercício do poder punitivo do estado.

Nesse sentido, pensando a representação criminal como forma de promoção das liberdades, utilizamos como base os limites estabelecidos pela nossa ideologia e valores, em causas que envolvam a criminalização de trabalhadores e trabalhadoras em geral (sejam estatutários ou celetistas) no exercício de suas atividades laborais; a penalização de imigrantes quando no exercício de suas garantias; apoio às vítimas de crimes contra as minorias.

DENTRE AS ATIVIDADES, DESTACAM-SE:
  • Habilitação de interessados como assistente de acusação;
  • Defesa judicial, nas instâncias ordinárias e perante os Tribunais Superiores, em favor dos direitos das minorias, dos movimentos sociais, dos trabalhadores e trabalhadores em geral (estatutários e celetistas), dos imigrantes.

Especialistas

Paulo Freire - Advogado CBA
Advogado - Coordenador dos Núcleos Cível e Administrativo

Artigos e Notícias Relacionados

Conselho Federal da OAB cria Comissão de Acompanhamento dos Conflitos Fundiários

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil criou por portaria nesta segunda (21) a Comissão Especial de Acompanhamento…
CONTINUE LENDO

Advogada que integra equipe Cezar Britto Advogados Associados é nomeada para compor Comissão Nacional de Estudos Jurídicos do Esporte

O Secretário Especial do Esporte do Ministério da Cidadania, Marcelo Magalhães, instituiu hoje (15) a Comissão de Estudos Jurídicos do…
CONTINUE LENDO
plano de saúde

TST determina que Correios não podem descontar salários de funcionários em greve

A ETC – Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos sofreu uma derrota no Tribunal Superior do Trabalho (TST). A ministra…
CONTINUE LENDO

Supremo vai ouvir CNBB em julgamento sobre Marco Temporal das terras indígenas

O Supremo Tribunal Federal (STF) aceitou o pedido da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) para ser “amicus curiae”…
CONTINUE LENDO